A derrapada do Botafogo

O Botafogo começou o ano dando esperança para sua torcida apagar da memória os trágicos anos anteriores, em que o time sempre falhou na “Hora H”:  Joel Santana em 2010 fez milagre com elenco limitado e quase foi a Libertadores, e Caio Júnior chegou a liderar o certame até que deixou a vaga na Libertadores escapar nas últimas rodadas. O fim da temporada de 2012 chega e o Botafogo repete mais uma vez a história.

O bom começo no Brasileirão, com importantes vitórias sobre Coritiba e  Internacional, ficou para trás com os desfalques que mudaram o time a cada rodada – foram poucas as vezes que Oswaldo repetiu a escalação. Instável, o Botafogo ainda foi eliminado da  Sul-Americana por um combalido Palmeiras. Há 5 jogos sem vitória, o Bota vê as chances de Libertadores enterradas. Seedorf, a grande contratação do ano no Brasil, não resolve sozinho a falta de peças importantes no elenco botafoguense.

No jogo contra o Grêmio, Oswaldo mandou o Botafogo a campo escalado no já tradicional 4-2-3-1, mas sem Seedorf, gripado, e Elkeson, barrado pelo treinador. Taticamente, o Botafogo aposta na mobilidade dos três meias, mas ainda tem muitas dificuldades quando chega ao ataque pela falta de um centroavante: Elkeson foi improvisado desde a saída de Herrera e não consegue boas atuações. Até Seedorf já foi colocado na posição, sem sucesso. Rafael Marques foi titular contra o Grêmio, com números pífios: não finalizou uma única vez e roubou apenas uma bola. O meio de campo produz pouco, mesmo com Renato e Andrezinho, e a defesa é hesitante: Lucas e Azevedo apoiam bem, mas deixam verdadeiras avenidas na lateral: não a toa o Botafogo leva muitos gols de bolas jogadas na área.

 

 

O empate nos acréscimos salvou o time de mais uma derrota. Mesmo que ainda haja chances, a temporada de 2012 praticamente acabou para o Botafogo. A manutenção do perseguido treinador é muito válida, mas o elenco tem que ser qualificado imediatamente com um centroavante, um lateral direito e um zagueiro. Formar um elenco mediano, que ainda tenha Seedorf como a grande estrela, é o caminho para o Botafogo sair da fila.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s